Tag: TEATRO

Oficina de Artistas – Confissões de Um Confinamento – Casa da Criatividade – 01 de Outubro – 21h 30

Depois de quase dois anos sem publico, a Oficina de Artistas, grupo de teatro da Ecos Urbanos, volta a pisar o palco da Casa da Criatividade com Confissões de Um Confinamento.

Sinopse:
As coisas que sabemos.
As coisas que achávamos que sabíamos.
As coisas que nunca imaginámos.
Em primeira mão, pela voz e vida de adolescentes, o confinamento.
O confinamento não.
Vamos mais fundo, vamos mais dentro!…
Confissões de um confinamento…
Como se desenha a vida em confinamento?…
O que é ser e estar em confinamento?…
Como se encaixam as diferentes peças que deviam compor a roldana dos nossos dias para não darmos por nós em “cacos”?…
Esquece, a questão não é essa.
A questão é: o que fazer com “os cacos” se de repente é tudo o que somos?…
Quem fui eu?
Quem sou eu?
Desatamos todos os nós para, como sempre, abrirmos as portas da alma e vos mostrarmos quem somos nós.

Com encenação de Mariana Amorim e Pedro Vieira, “Confissões de um Confinamento“, com Ana Amorim, Ana Pereira, Beatriz Coutinho, Gabriela Silva, Helena Lopes, Ash Araújo, Joana Henriques, Laura Martinez, Leandro Rodrigues, Maria Neves, Mariana Azevedo, Mariana Fonseca e Matilde Neto, é mais um trabalho, em que cada um é agente ativo e criativo em todo o processo, onde além de competências artísticas específicas, foram estimulados no seu desenvolvimento pessoal, na responsabilidade, na proatividade, na capacidade de questionar a realidade assente na valorização da imaginação presente em cada um como fio condutor da peça.

Os bilhetes para esta peça podem ser adquiridos na Bilheteira Online / BOL – AQUI (a partir de hoje dia 23 de setembro), na Torre da Oliva, nos Paços da Cultura e, no dia do espectáculo, meia hora antes, na Casa da Criatividade.

Parte da bilheteira reverterá a favor da Campanha Apadrinhe Esta Ideia, que tem como objectivo o apoio a famílias económica e socialmente vulneráveis, nomeadamente o apoio em alimentação.

 

ECOS URBANOS – SEMANA DA JUVENTUDE 2021

ALTERAÇÕES AO PROGRAMA INICIAL DEVIDO ÀS CONDIÇÕES ATMOSFÉRICAS.
Atenção também à data de alteração das inscrições.
Esperamos por todos/as!

QUINTA FEIRA dia 9 (local: Paços da Cultura)

  • Dois, pois – Paços da Cultura- 21h às 21h 45m

Atenção: a data das inscrições para a atividades do dia 09/09 terminam a 09/09 on-line e depois terão que ser feitas nos Paços da Cultura, a partir das 20h 30m

SEXTA FEIRA dia 10 (local: Torre da Oliva)

  • Histórias de Luz à Sombra – dia 11 – sábadono mesmo horário e local
  • Yoga, aulas de movimento e atividades dramáticas – Cerci – mesmo horário – Torre da Oliva
  • Oficina de rádio – só 11 e 18 – mesmo horário e local
  • Ponha Aqui o seu Pezinho – Torre da oliva – mesmo horário
  • Light PaitingTorre da Oliva – mesmo horário
  • 4 Guitarras num Momento – 21h – Torre da oliva (horário e local diferentes)
  • Meditação Guiada – o mesmo horário – Torre da Oliva
  • Dança Criativa e Mindfullness para Crianças  – Torre da oliva
  • Resultado da residência Artística – Como plantamos uma revolução – Torre da Oliva – mesmo horário

Atenção: a data das inscrições para as atividades do dia 10 terminam a 09 on-line e depois terão que ser feitas na torre da oliva, a partir das 14h 

SÁBADO – Não havendo previsão de chuva, mantêm-se  tudo igual no Parque do Rio Ul

  • Exceto:
    • Voleibol – 10h às 12h
    • Escola para a igualdade – passa de dia 9 para dia 11 – das 15h às 19h
    • Demonstração de Suporte Básico de Vida – passou de sexta dia 10 para sábado dia 11 – 15h às 16h

Atenção: a data das inscrições para as atividades do dia 11 terminam a 10 on-line e depois terão que ser feitas no balcão das informações na casa da natureza, a partir das 9h 30m

DOMINGO dia 12 – (Paços da Cultura)

  • Ecos Talks – Percursos de vida não convencionais – das 17h30 às 19h
  • Bem Bom – cinema , das 21h às 22h 45m

DIA 18 DE SETEMBRO
(A programação de domingo, dia 12, na sua maioria, foi alterada para sábado, dia 18 mantendo os locais iniciais)

  • Running – dia 18, das 9h às 10h
  • Tai-chi – dia 18, das 10h às 11h
  • Diversão sobre 2 rodas – dia 18, das 11h às 13h
  • Jogo do Dê – dia 18, das 11h às 12h
  • Playnovo horário – dia 18 – das 16h às 16h50 e das 17h10 às 18h
  • Piquenique – dia 18, das 13h às 15h
  • Oficina de Rádio – dia 18, das 14h30 às 16h
  • Os Direitos Humanos Celebram-se Todos os Dias – dia 18, das 15h às 17h
  • Páginas Tantas – dia 18, das 15h às 18h
  • Animais estrambólicos – dia 18, das 15h às 16h30
  • Cores são cores – dia 18, das 14h30 às  17h30
  • Cultivar vegetais – dia 18, das 16h –às  17h

Atenção: a data das inscrições para as atividades de dia 18 terminam a 17 on-line e depois terão que ser feitas no balcão das informações na casa da natureza, a partir das 9h do dia 18 de setembro.


A Semana da Juventude de S. João da Madeira irá então decorrer de 9 a 18 de setembro (devido às condições atmosféricas previstas), tendo o Parque do Rio Úl como um dos lugares onde serão desenvolvidas a maioria das atividades. O lema deste ano é a Inclusão: De públicos, de idades, de atividades, de parcerias, de artes, gostos, formas de estar, … Teremos desde a cinema, com passadeira vermelha e flashes em parceria com o Festival Internacional de Cinema de Arouca, que também tem a Inclusão como tema, vamos apresentar uma peça de teatro, resultado de uma residência artística com o Marco Paiva, encenador e diretor artístico do Terra Amarela, perito no teatro comunitário. Vamos poder conversar e ouvir convidados especiais na primeira edição do Ecos Talks, vamos contribuir na limpeza do rio, e nas lutas pelo direito à diferença e liberdade, vamos poder desenhar com luz, ouvir desde o clássico ao HipHop, decorar e passear de bicicleta, aprender a dançar, fazer colagens, meditar…vamos poder ouvir histórias reais à sombra de umas tendas feitas de crochet, vamos poder ler e trocar livros velhos por novas leituras, com toda a segurança e frescura.
Queremos que todas as diferenças, idades, géneros, gostos e perfis possam conviver e descobrir os diversos espaços onde decorrerão as atividades, e a Juventude e as associações que se juntam aos Ecos Urbanos na 23.ª edição da Semana da Juventude que conta ainda com a co-organização Câmara Municipal de S. João da Madeira.


INFORMAÇÕES GERAIS:
Todas as atividades são gratuitas. É necessária inscrição prévia com o preenchimento de um formulário para cada atividade.
Lotação limitada em cada atividade. Para a inscrição é obrigatório o preenchimento do respetivo formulário.
Pedimos se no caso de não puder comparecer por favor contacte-nos pelos números aqui referidos ou através do email: semanadajuventude@ecosurbanos.pt
Siga as recomendações da Direcção-Geral da Saúde.
Em caso de chuva a programação poderá ser alterada.
Mais informações: telefones: 256824532 e 969849744

Programa sem alterações (PDF) 
Mapa sem alterações (PDF)
ilustração: Bárbara Rocha

OFICINA DE TEATRO – OFICINA DE ARTISTAS – TEMPORADA 2020/2021

Com a edição on-line ensaiada em Maio e Junho de 2020, iniciamos os trabalhos deste “ano letivo” em Outubro.

Começamos em regime presencial, atendendo a todas as normas de segurança, mas preparados para voltar ao digital assim que fosse necessário. E assim foi. O espetáculo de Natal – “Um Natal à maneira… em São João da Madeira!”, apresentado em vídeo a 23 de dezembro de 2020, contou com poucos ensaios presenciais, mas vários digitais.

Do vocabulário dos nossos ensaios passaram a constar expressões que não imaginaríamos, “Vamos desligar e voltar a ligar”, “Ativa o som”, “Estás a buggar…”, mas, quando na origem do nosso grupo de teatro, decidimos chamar à oficina de teatro precisamente Oficina (de Artistas) não foi por acaso. Foi pela chama mágica que há na ideia de uma Oficina…

Não pensamos numa Oficina polida, organizada, moderna, mas numa imagem mais lírica de Oficina, numa imagem tirada dos melhores contos de fantasia, onde há pó, diversas ferramentas espalhadas, obras que se criam, obras que se desmoronam e os mestres criadores que permanecem apaixonados até serem velhinhos, à luz do dia ou à luz da vela no escurinho da noite e fazem obra com o que está ao seu alcance.

Imaginávamos o nosso percurso assim: chegar sem nada, confiar no bem precioso que mora na alma de cada um dos nossos artistas – artesãos dos nossos trabalhos – e a partir daí fazer nascer obra. Mas o que é do teatro sem corpo, sem a presença, sem a energia humana de um grupo, sem as emoções, sem os segredos, à luz da intimidade da nossa sala de ensaios, revelados? Pode uma Oficina resistir sem a oficina/espaço físico? Havemos de descobrir. Havemos de construir. Assim, é à luz de um ecrã de computador, à luz do telemóvel, à luz do sinal da internet, à luz, fundamentalmente, da paixão que permanece em nós, que nos temos juntado, com a regularidade habitual, para fazer obra.

Brilham-nos no ecrã uma data de rostos, tão bem mais comportadinhos e organizadinhos do que no registo presencial (suspeitamos que as conversas, desabafos e trocas de segredos continuem a acontecer bem camuflados e mais discretos algures num “bate papo”!). Ironicamente, o ano passado começamos a construir uma peça de teatro sobre “Liberdade”. Voltamos agora a falar sobre liberdade, após um surpreendente (des)encontro com ela. Faremos espetáculo. Podem crer. Podem faltar-nos algumas ferramentas, mas não nos faltam os artesãos, que à luz das velas digitais e da ferramenta maravilhosa que são as suas histórias e a sua alma nos permitem continuar a ser. Como boa Oficina arranjaremos palco, inventaremos palco e teremos sempre como o nosso principal limite, aquela que é também a nossa melhor ferramenta… a verdade de cada um, que abre alas à imaginação!

Somos Teatro.

Somos Nós.

Somos cada um de nós.

Somos Oficina de Artistas.

 

Local dos ensaios: Sala Ecos Urbanos – Oliva Creative Factory (agora online)

Destinatário(a)s: crianças a partir dos 6 anos e jovens até aos 16 anos

Horário: 3as e 6as das 18h às 19h ou das 19h às 20h (conforme idade)

Orientado por: Mariana Amorim e Pedro Vieira

Informações: Ecos Urbanos : 256824532 e 969849744  – 2ª a 6ª feira, das 09h às 13h e das 13h 30m às 17h 30m

ECOS URBANOS E A CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA MADEIRA ORGANIZAM A SEMANA DA JUVENTUDE 2020 | DE 11 A 13 DE SETEMBRO

As circunstâncias mudaram mas a tua Semana da Juventude mantém-se.

Este ano tem-nos mostrado novas formas de comunicar e, inesperadamente, tem posto a descoberto a necessidade de uma ligação mais íntima com a Natureza e com a nossa própria voz. A cidade e a Juventude reinventam-se e a Semana da Juventude quer continuar a florescer. Iniciámos com o concurso Fachadas Floridas para envolver toda a cidade de flores e plantas aromáticas. Desta vez, na sua 3.ª edição, o concurso é para a Juventude, para o comércio local e o maior prémio é para os condomínios que se inscreverem, pois queremos reforçar o diálogo entre vizinhos e colorir as varandas da cidade. Todos podem participar de forma segura. O concurso é organizado pelos Ecos Urbanos e conta com o apoio da Câmara Municipal de S. João da Madeira, da Junta de Freguesia de São João da Madeira e da Associação Comercial de S. João da Madeira.

No dia 10 de setembro vamos estar no Auditório do Museu da Chapelaria, para uma conversa sobre Os Desafios do Associativismo Jovem, às 21h, com a Federação Nacional de Associações Juvenis (FNAJ), Federação de Associações Juvenis do Distrito de Aveiro (FAJDA), a Câmara Municipal de S. João da Madeira e todas as associações jovens de S. João da Madeira, os Ecos Urbanos, a Associação Cultural Luís Lima (ACLL) e a Associação de Promoção da Juventude (APROJ).

Nos dias 11,12 e 13 de setembro acontece no Parque do Rio Ul o programa oficial, organizado pela Associação de Jovens Ecos Urbanos e pela Câmara Municipal com o apoio do Instituto Português da Juventude e Desporto. Todas as atividades necessitam de inscrição prévia online, de 2 a 10 de setembro, ou no Parque a partir das 15h do dia 11 setembro. Todas as atividades foram pensadas para garantir a segurança e a diversão de todos, sem idades.

Queremos fazer piqueniques ao som de música, teatro, desporto, cinema, oásis cinematográficos, projetos inspiradores para partilhar e muita natureza para usufruir. Fica o convite para visitar o Parque do Rio Ul e participar nas propostas da Semana da Juventude, com tempo para ver, ouvir, ficar, fazer, estar, sentir e partilhar.

INFORMAÇÕES GERAIS: Todas as atividades são gratuitas. É necessária inscrição prévia – lotação limitada em cada atividade. Siga as recomendações da Direção-Geral da Saúde. Em caso de chuva a programação será alterada.

Todo o programa AQUI

(actualizado a 08 de setembro de 2020)

CULTURA CONJUNTA VAI A ÍLHAVO A 14 DE DEZEMBRO

A Cultura Conjunta é um projecto em parceria com a Junta de Freguesia de S. João da Madeira, que conta com o apoio da Câmara Municipal de S. João da Madeira, e tem como objectivo a inclusão social através do acesso à cultura.

A próxima saída será para assistir à peça, Histórias Suspensas, co-produzida pela Associação Cultural Radar 360.º e pelo Teatro Maria Matos , na Casa Cultura Ílhavo, no próximo dia  14 de Dezembro, integrado na programação do Projecto Cultural do Município de Ílhavo – 23 Milhas.  A entidade convidada, desta saída, é a CERCI S. João da Madeira

SINOPSE:

Imaginamos três narradores de histórias. O corpo e a voz saltam para dentro das histórias, agindo e reagindo através de voos, voltas e reviravoltas. Criam-se desvios que nos levam a outras pequenas histórias. A ideia de suspensão acontece na ação e no enredo, que surpreende a cada momento. O Tempo nas histórias, ou pára ou passa muito rápido. Aqui suspende-se no olhar de quem assiste e partilha esta aventura. O que vem a seguir? O projeto Histórias Suspensas criou um volume que, às vezes, se confunde com uma casa ou um armário. Aqui, guardam-se segredos. As portas vão-se abrindo e fechando, expondo e ocultando, personagens e situações. Neste armário de fabricar sonhos, as possibilidades são infinitas e o limite é a própria imaginação

A saída é às 15h nas traseiras do Centro Coordenador de Transportes e a hora de chegada prevista é às 18h 30m.

A inscrição é limitada e o valor é de 4€ (incluí transporte, entrada e seguro), até dia 11 de Dezembro, para maiores de 16 anos.

Para mais informações: telefones: 256 824 532 e 969 849 736 (segunda a sexta das 09h 30m às 17h 30m) | geral@ecosurbanos.pt

 

ECOS URBANOS E A GERAÇÃO FACEBOOK, A 07 DE JUNHO, NA CASA DA CRIATIVIDADE

Vamos regressar na próxima sexta-feira, a mais um espectáculo na Casa da Criatividade, desta vez para assistir à Peça de Teatro “Geração Facebook”, com Sara Barradas, integrado na programação Alternativa à 5inta.  No âmbito da parceria com a Câmara Municipal de S. João da Madeira estaremos com um grupo de jovens do Projeto Habitus.

A GERAÇÃO FACEBOOK é uma divertida comédia com autoria e encenação do ator Miguel Dias, que fala de quatro jovens amigos e das suas peripécias perante uma descoberta: o amor, que pode estar mesmo à nossa frente, e para que se possa tornar real vale tudo… facebook, Snapchat, Skype… Porque o amor é louco e esta comédia é uma verdadeira Loucura…
Um Nerd, uma 'Loira Burra', o miúdo mais giro da escola, e uma lésbica… tudo isto envolto em 70m de gargalhadas constantes, com uma linguagem direccionada ao público de hoje…

E tu já compraste o teu bilhete? Podes fazê-lo directamente AQUI. Não percas esta oportunidade.  Nós já temos os nossos e não vamos perder.

ECOS URBANOS NO SOPRO NO TEATRO NACIONAL S. JOÃO, A 16 DE JUNHO

A Cultura Conjunta, projecto em parceria com Junta de Freguesia de S. João da Madeira conta agora também com o apoio da Câmara Municipal de S. João da Madeira.
Este projecto tem como principal objectivo a inclusão social através do acesso à cultura.
A próxima saída é já dia 16 de Junho para ver a peça “O Sopro“, no Teatro Nacional S. João, no Porto.

Sinopse:

O que aconteceria se um teatro se desmoronasse e nos seus escombros só encontrássemos um sobrevivente: o ponto?

A protagonista de Sopro não é uma atriz mas uma mulher chamada Cristina Vidal, que trabalha como ponto no Teatro Nacional D. Maria II há mais de vinte e cinco anos.

Acompanhada em palco por seis atores e centenas de fantasmas, esta guardiã de uma profissão em vias de extinção vai evocar as histórias reais e ficcionais de um teatro agora em ruínas.

Que teatro habita a sua imaginação e a sua memória? Que mundo nos pode dar a ver usando apenas o seu sopro invisível?

Tendo estreado no Festival de Avignon de 2017, Sopro, de Tiago Rodrigues, foi descrito pelo jornal francês Le Figaro como “uma homenagem vibrante ao teatro e àqueles que o fazem”.

Programa: 
Saída às 15h, traseiras do Centro Coordenador de Transportes
Chegada prevista a S. João da Madeira às 19h
Entidade Convidada: TOJ – Teatro Oliveira Júnior
Inscrição até dia 13 de Junho: 7,00€ (incluiu bilhete, transporte e seguro)
Maiores de 16 anos

Mais informações contacte: 
Telefone: 256 824 532 | Telemóvel: 969 849 744 e 96849736 (segunda a sexta das 14h às 19h)
email: geral@ecosurbanos.pt

CULTURA CONJUNTA NO IMAGINARIUS A 24 DE MAIO, NA FEIRA

O Imaginarius – Festival Internacional de Teatro de Rua de Santa Maria da Feira é o maior evento de Artes de Rua realizado em Portugal e uma referência internacional. Acontece anualmente, durante três dias, no mês de Maio, e este ano vai decorrer de 23 a 25 (programa).

O Festival aposta, desde 2001, nas grandes produções internacionais e no desenvolvimento de criações originais para apresentação em estreia na sua programação, dando espaço à experimentação e à imaginação dos criadores locais.

O Imaginarius integra atualmente a rota europeia das Artes de Rua, seja pela sua presença na Circostrada Network, seja por um conjunto de parcerias com outros festivais e projetos de criação, que contribuem para a afirmação de Santa Maria da Feira como capital portuguesa das Artes de Rua.

A Cultura Conjunta é um projecto em parceria com a Junta de Freguesia de S. João da Madeira, e agora também com o apoio da Câmara Municipal de S. João da Madeira, e tem como objectivo a inclusão social através do acesso à cultura. A próxima visita será Imaginarius no dia 24 de Maio e contará como entidade convidada o TRILHO – Unidade de Apoio a Toxicodependentes e Seropositivos.

A saída será às 20h nas traseiras do Centro Coordenador de Transportes e a hora de chegada prevista é às 00h.

A inscrição é limitada e gratuita (transporte e seguro), até dia 21 de Maio, para maiores de 16 anos.

Para mais informações contacte: telefone: 256 824 532 | Telemóvel: 969 849 736 (segunda a sexta das 09h 30m às 17h 30m) | email: geral@ecosurbanos.pt

 

 

ECOS URBANOS – OFICINA DE ARTISTAS – CORagem – 5 DE MAIO, 16H – CASA DA CRIATIVIDADE

A nossa Oficina de Artistas apresenta mais uma peça original orquestrada pela identidade, criatividade e emoção de cada um dos seus protagonistas, com idades compreendidas entre os 6 e os 13 anos.

COR.agem
Andar numa montanha russa. Segurar uma cobra ao pescoço. Fazer bungee jumping. Escalar os Himalaias. Comandar um exército. E se a coragem não for nada disto? E se percebermos que a coragem, apesar de ser tudo isto, é sobretudo um pouco mais? É uma espécie de fé interior que se pratica todos os dias e não apenas em ocasiões especiais. É saber dizer “Já chega! Não quero mais!”. É ousar crescer, sabendo que, provavelmente, nunca mais voltaremos a ter tanta graça quanto tivemos em crianças. É arriscar dizer “gosto de ti”. É enfrentar o desafio de ser autenticamente, mesmo quando é mais fácil simplesmente ser mais um entre todos.

Diz-se da Oficina de Artistas que tem em palco crianças e jovens, mas conta histórias que sensibilizam adultos.

Diz-se da Oficina de Artistas que, mais uma vez, estreia um argumento original, deixando-se conduzir pelo espelho íntimo, secreto e corajoso de cada um dos seus artistas.

Data, hora e local: 05 de Maio, 16h, Casa da Criatividade
Enquadramento: XIII Festival de Teatro de S. João da Madeira
Duração: 60 minutos (aproximadamente)
Entrada: 3,5€
Bilhetes: https://www.bol.pt

CULTURA CONJUNTA TEM PASSA-PORTE – TEATRO DOCUMENTAL (COMPANHIA HOTEL EUROPA), PARA DIA 02 DE MARÇO, EM SEVER DE VOUGA

A Cultura Conjunta, projecto dos Ecos Urbanos em parceria com a  Junta de Freguesia de S. João da Madeira, tem como principal objectivo a inclusão social através do acesso à cultura.

A próxima saída é dia 02 de Março, ao Centro das Artes e do Espectáculo, em Sever de Vouga, para ver o espectáculo de teatro, Passa-Porte – Teatro Documental (Companhia Hotel Europa)

Inscrições abertas até dia 28 de Fevereiro.

Sinopse:
Passa-Porte é um espetáculo de teatro documental que reflete sobre o fim do colonialismo português e as suas consequências na vida das pessoas que chegaram a Portugal e da forma como foram recebidas; reflete sobre a condição de refugiado ao retratar a situação das pessoas que chegaram de África anos 70, olhando também em particular para os Africanos que chegaram das antigas colónias portuguesas e a quem foi negado um passaporte português, sendo forçados a viver como emigrantes.
É uma viagem feita através de testemunhos reais pela histórica recente em Portugal.

Programa:
20h 30m: saída de S. João da Madeira, em frente à Câmara Municipal
00h: chegada prevista a S. João da Madeira

Inscrição: 5€ (inclui bilhete, transporte e seguro)
Maiores de 16 anos
Duração prevista: 90m
Entidade convidada: Centro Humanitário da Cruz Vermelha de S. João da Madeira

Mais informações:
Telefone: 256 824 532 | Telemóvel: 969 849 744 (segunda a sexta das 14h às 19h) | email: geral@ecosurbanos.pt